sexta-feira, 24 de outubro de 2014

Sobre amor, sonhos, fé e o que aconteceu nos últimos dias

Desde que marcamos a data para o nosso grande dia, um domingo à tarde, quando completaríamos 10 anos, passei todos os meses planejando cada detalhe, rezando pra que houvesse sol e nosso desejo de casar no campo se tronasse realidade.
Na semana que antecedia nosso casamento, as previsões começaram a me acalmar: 0% de chuva e um clima seco que se estendia até o final de semana. E foi assim até domingo de manhã, quando acessei o Clima Tempo pela ultima vez.
Fomos para o Haras cedo, organizamos várias coisas para ficar tudo como gostaria que fosse. Fui pro meu quarto, e lá comecei a me arrumar. A internet estava com defeito e meu celular sem sinal. Com isso, não recebi nenhuma atualização sobre o fato de que, contrário a todas as previsões, começava a chover na cidade.
Às 16h ela chegou no Haras e, se eu soubesse disso antes, teria me descabelado, arranjado uma tenda gigante, pensado num plano B e gastado um dinheiro que não havia previsto. Mas já não havia tempo. 
Então, comecei a rezar e lembrei de uma frase que discutimos durante o curso de noivos e nunca vou esquecer: "Que seja feita a Sua vontade". Pensei que, com o clima seco e a unidade muito abaixo da média, não podia querer algo que beneficiasse apenas um desejo meu. Como Deus foi me mostrando ao longo desses anos, Ele tinha um propósito pra tudo. E o que importava mesmo, eu já tinha e estava lá, me esperando, com ou sem chuva.
E mais uma vez fui surpreendida com a água, que depois de descer, refrescar e abençoar aquele dia, foi cessando e permitindo que tudo voltasse ao seu lugar.
Às 17h30 o casamento aconteceu, no campo, com todas as pessoas que amamos lá, com olhos cheios de lágrimas ao nos ver realizando aquilo que sonhamos por dez anos.
E o meu coração era só gratidão, por tudo estar acontecendo, de uma forma tão linda.
De longe, fui vendo entrar os padrinhos que escolhemos com tanto carinho, irmãos de sangue ou alma, que sabemos que vamos poder contar pra sempre. Quatro grandes amigas entraram lindas de damas, com flores na mão, e meus sobrinhos anunciaram a entrada da noiva. 
E aí eu entrei, com meu pai, que havia passado por uma cirurgia na terça-feira antes do casamento e, contrariando todas as recomendações, estava com o coração melhor do que muitos de nós, e do lado direito, minha mãe, que fiz questão que também me levasse ao altar, já que ela, como sempre, era a responsável por todo aquele sonho estar acontecendo!
A Nat, minha irmã, junto com meu cunhado Ueder, leram um texto lindo (#lágrimasnosolhosmaisumavez), reunindo alguns trechos de conversas nossas nas redes sociais pra falar sobre fé, amor e família. E esses três elementos eram justamente o que se via reunidos naquele lugar. Uma energia fora do comum que envolveu aquele momento e todos que estavam ali, que se tornaram uma só família, como havia dito o padre na celebração que fizemos no dia anterior.
Sim, acabamos tendo dois casamentos, reafirmando nosso sim e, o que poderia ser um dificultador nos mostrou que as pessoas que nos amam estarão sempre com a gente!
Foi um final de semana inteiro nosso!
Rimos, choramos, abraçamos e dançamos, como dançamos. Só nos demos conta do cansaço quando o DJ, contra a nossa vontade, desligou o som e acendeu as luzes, já havia passado de meia noite.
Foi tudo muito melhor do que nos meus melhores sonhos. Cada detalhe, cada fornecedor se esforçando pra que minhas expectativas fossem superadas. E foi!
Ainda não encontrei explicação pra descrever o que senti nesses últimos dias. Agora, em lua de mel, fico tentando relembrar cada momento, tentando me convencer de que eu estava sim acordada e que este foi o melhor sonho que eu poderia ter sonhado!
Em breve faço posts sobre os vestidos, os detalhes os destinos da lua de mel, etc!
Obrigada a cada um de vocês que torceu por esse dia especial! Foi demais!!

Acompanhe também:

sábado, 18 de outubro de 2014

Casório: superstições e tradições das noivas

Gente, chegou a hora!
E, vendo formas de colocar os nomes dazamigas na barra do vestido me deparei com um monte de superstições e tradições pro grande dia!
Entre elas, a do ditado:
"Something old, something new, something borrowed, something blue, and a sixpence in her shoe."
Parece até virada de ano, né? Mas acho legal canalizar em alguns objetos desejos e boas energias.
Segundo a lenda, alguma coisa antiga simboliza as origens e a continuidade de tudo que se é. O novo significa otimismo, esperança e a vida que está por vir. O emprestado significa a felicidade partilhada. E o azul simboliza fidelidade, amor eterno e pureza.
E sim, terei cada um desses itens comigo! Depois eu mostro tudo pra vocês!
E, o principal deles: o nome dazamiga na barra do vestido! Que, segundo a tradição, atrai o matrimônio mais rapidamente.
Portanto, amigas solteiras, eis a hora de vocês! Quem quer arranjar um marido bota o nome aqui que já vai fechar!
Em breve volto com mais notícias e a aliança na mão esquerda!

Acompanhe também:

sexta-feira, 17 de outubro de 2014

Diários de uma noiva zen: Spa da Noiva no Dharma

Ontem tirei o dia lá no Dharma pra relaxar de toda a correria das últimas semanas. Estava suuper tensa com a chegada do big day e as trezentos-e-noventa-e-cinco-mil coisas pra resolver! Esse negócio de casar é muita tensão/emoção, gente! Achei que não, mas gente fica meio desequilibrada meeesmo!
Então, passei a manhã toda no Dharma, fazendo meu Spa da Noiva acompanhada da minha bff Amanda, que veio especialmente de Floripa pro casório! s2
Já falei aqui antes o quanto só entrar num lugar calmo como esse já muda completamente a energia da gente, né? Esses últimos dias foram pauleira demais e chegar lá, desligar o celular, esquecer as preocupações e parar para refletir sobre tudo de bom que está acontecendo na vida foi tudo que eu precisava!
Comecei meu ritual tomando um banho pra lavar a alma da Ducha Vichy!
Depois fui pra sala Equilíbrio das Sensações e lá me deparei com uma surpresa mega fofa: junto com o ambiente super calmo e a musiquinha relaxante, havia um clipe com várias fotos minhas e do Douglas, de diferente épocas na TV! Fiquei tempos assistindo e relembrando vários momentos nossos, toda emocionada!
Aí tomei um super banho com sais e cromoterapia...
E, pra terminar, uma massagem daquelas, pra eliminar todos os pontos de tensão do corpo - e eram muuitos!
Sai de lá extremamente relaxada. Foi um momento tão calmo e meu que pude finalmente pensar em tudo que tá acontecendo e me sentir completamente agradecida e preparada pra chegada desse momento tão único e lindo!
Pras noivinhas que estão aí, sofrendo de gastura, recomendo de verdade! Eles também agendam o Spa de Noiva exatamente pro dia do casório, então dá pra arrumar lá em um ambiente super calmo, completamente diferente da agitação de um salão, sabe?
Agora, é só respirar fundo que tá chegando!

 Acompanhe também:

terça-feira, 14 de outubro de 2014

Minhas escolhas para a lua de mel na Rygy!

Há algum tempinho, a Rygy me convidou para conferir de perto a coleção de verão da marca e, junto, aproveitar para fazer minhas escolhas para a tão esperada lua de mel na praia (tá chegando geeeente o/)!
Então, fui lá conhecer as peças, que vão de moda praia a roupas de ginástica e ainda sleepwear.
Confesso que tenho um problema com biquinis. Geralmente, gosto da parte de cima, mas fico toda encucada com a parte de baixo. Quem nunca? E lá na Rygy, a possibilidade de brincar com as peças é imensa, então dá pra escolher o soutien M e a calcinha G, de qualquer modelo, (isso é Brasil) sem problemas! E aí as meninas me mostraram essa modelagem, que, segundo elas, veste bem em praticamente todo mundo. A calcinha "Brisa" é daquelas que não são nem grande, nem pequena e não deforma o corpo apertando dos ladinhos, sabe? E a parte de cima tem bojo todo estruturadinho, realmente veste super bem!
#CadêPraia?!
Depois fui experimentar os maiôs. Sim, maiôs. Teve um tempo em que era considerado coisa de "gente velha", né? Mas eu acho CHIQUE, confortável e MEGA prático! Ainda mais porque pretendo ir num parque aquático, e preciso de algo que me deixe coberta depois de saltar de um tobogã de 14 metros, ok? E eu super amei esse, que além da estampa, tem um modelo todo moderninho, com um decote bonito na frente e nas costas. Foi o primeiro que vesti e amei.
E pra terminar, escolhi também um sleepwear bem fresquinho e cheio de estilo com essa estampa marítima. Por que quem disse que, pra dormir, a gente não precisa ser fashion?
A marca já está no mercado há 30 anos e, aqui em Juiz de Fora, está no Independência Shopping há sete. Eles recebem peças novas toda semana e mantém o Instagram super atualizado, segue lá o @rygy_jf. Eu amei minhas escolhas e to doida pra tirar altas fotos na praia! :D


 Acompanhe também:

sábado, 11 de outubro de 2014

Casamento Tatá e Doug: nossa e-session com balões, bicicleta e câmeras vintages!

Quem me acompanha nas redes sociais já deve ter visto uma porção de fotos lindas da nossa e-session!
As meninas pediram e aqui estão algumas delas!
Como eu contei nesse post sobre inspirações, queria algo que fosse bem a nossa cara, então escolhemos fazer as fotos no local onde vamos nos casar. No campo, de dia, com balões, flores, câmeras e uma bicicleta antiguinha que a Caricatura, marca parceira do blog, me emprestou com tanto carinho!
Os looks, foram parte de um post à parte e achei que super combinaram com a ocasião!
Marcamos num domingo, (assim como o nosso casamento!) e organizamos tudo pras fotos. Só que no final de semana o tempo ficou feio e começou a chover. Fiquei toda triste achando que não ia rolar... Aí a garoa começou a ceder e nós fomos, com o tempo nublado mesmo!
O resultado foram fotos lindas de uma tarde de inverno!
A Paola e o Roberto, do Estúdio MegaZap, arrasam demais! Eles nos deixaram super à vontade e nem parecia que a gente tava ali pra tirar foto! Já falei aqui o quanto amo fotografia e como me importo com que elas registrem toda a essência desse momento e acho que foi bem isso que eles conseguiram captar!
Difícil é escolher só algumas! Nesse post aqui, do Megazap, tem mais!
É isso mesmo, falta só uma semaninha! :)

Acompanhe também:

quarta-feira, 8 de outubro de 2014

DIY surpresa pro noivinho: 30 motivos pra me casar com você!

Quando eu fiz meu scrapbook de presente pro noivinho de Dia dos Namorados, a Patrícia Bazílio, leitora super querida do blog, me mandou inbox mostrando essa ideia que viu no blog Planejando meu Casamento. Trata-se de um calendário com a contagem regressiva de um mês pro casório, revelando, a cada dia, um motivo para aquele dia tão especial!
Depois que vi, fiquei pensando que dava pra fazer um com 365 dias, porque motivos são o que não falta! Mas anotei na agenda e me programei pra fazer uma surpresa pro noivinho faltando 30 dias!


Então, colei na parede do quarto dele, num momento oportuno em que ele havia saído, um quadrinho (feito à mão, de papel cartão e ofício - pode até dar mais trabalho, mas acho que demonstra muito mais carinho do que simplesmente imprimir o negócio) uma espécie de calendário, com um "envelopinho" para guardar o motivo de cada dia.

Ao invés de colocar todos os motivos lá, preferi deixar a brincadeira mais divertida! Então, escondi cada papelzinho, de cada dia, em um local diferente do quarto dele e, todo dia pela manhã, mando uma mensagem com uma pista, pra ele encontrar e colocar na data correspondente e assim ir construindo o calendário e fazendo a contagem regressiva!
Como eu disse, adoro essas pequenas ações que demonstram tanto carinho e cumplicidade entre o casal. Fiquei toda empolgada no dia que vi e fui amadurecendo a ideia pra deixar esse momento bem a nossa cara. Ele adorou e tá super curioso pra achar os outros bilhetinhos! E eu não vejo a hora de chegar o trigésimo e mais especial! :)

 Acompanhe também:

terça-feira, 7 de outubro de 2014

Looks da semana: na medida do possível!

Mais uma semana com a corda no pescoço, com trocentas e vinte duas mil coisas pra fazer (ainda bem que vou casar só uma vez nessa vida, gente, pq tá dando trabalho demais)!
Enfim, tudo isso é pra dizer que essa semana quase não teve look, mas como sou uma menina comprometida com essas leitoras lindas que passam por aqui, fotografei os looks que usei no final de semana, pra resolver pendengas, e vim aqui na humildade mostrar pra vocês!
Já cansei de falar o quanto o meu estado de espírito influencia diretamente no que to vestindo, né? E quando a maré não tá pra peixe, difícil mesmo pensar em alguma coisa criativa.
Então no sábado, um friozinho inesperado chegou em JF City e eu fui logo colocando calça jeans, camiseta e slipper. E o que se faz nessas horas em que se quer praticidade? Coloca um colar chamativo e um ponto de cor, no caso, a terceira peça mais amada do Brasil, também conhecida como blazer. O grand finale fica por conta de coque no cabelo e oclão na cara.
E o look de domingo, pra enfrentar fila pra votar/almoçar, foi assim, com saia, bota, o cinto que comprei no Bazar Vintage e a camisa que eu fiz nesse DIY aqui. Pra terminar, um ponto de cor com o cardigan amarelo que deixa qualquer produção mais interessante.
Bem, prometo que a próxima semana tento caprichar mais nos looks!
Por enquanto, a gente vai se equilibrando na corda bamba do mundo fashion, fazendo o que dá!

 Acompanhe também:

sábado, 4 de outubro de 2014

Desafio Caricatura: uma peça, três looks

Faz tempos que não tinha um desafio desse aqui no blog, né? E eu adoro!!
Dessa vez, o Rodrigo foi comigo e tínhamos a missão de escolher uma peça chave pra montar três looks!
Já tinha conhecido (e amado) a coleção toda no lançamento que aconteceu no showroom, em BH.
Com o tema Desacelere, ela veio cheia de peças leves e coloridas, com muito estilo e práticas pra enfrentar qualquer momento do dia a dia, dando ênfase às coisas mais simples e prazerosas da vida.
Então, eu escolhi um vestidinho bem com essa pegada. Clarinho, com estampa floral, a cara do verão e pronto pra qualquer ocasião.
Comecei a brincadeira vestindo apenas ele, e depois fazendo aquele truque fashion que a gente adora: usando o mesmo vestido como saia, fazendo um mix de estampas delicado com uma camisa larguinha de listras e finalizando com o colar tassel vermelho (esse mesmo modelo que já mostrei um DIY aqui), e depois usando a saia de linho bege (peça super clássica e básica) por cima do vestido, transformando-o em camiseta. 
Depois, foi a vez do Rods escolher a camisa jeans listrada como peça base para as produções. Primeiro ele usou ela fechada, compondo um look mais social e total jeans. Depois, ele usou a camisa aberta, com uma camiseta por baixo. E, por último, camiseta branca básica com lavagem de estampa e a camisa amarrada na cintura, criando um look super despojado e diferente dos primeiros.
Viram como poucas peças são suficientes para montar looks completamente diferentes? Desafio cumprido com sucesso, espero que tenham gostado da nossa inventação de moda!
Semana que vem tem mais! :D



 Acompanhe também:
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...